Como participar

Em geral, os textos aqui publicados utilizam o formato jornalístico (reportagens, perfis e entrevistas), mas somos receptivos a todos os tipos de contribuições. Se você tem uma história interessante para contar ou quer fazer uma reflexão sobre algum assunto que diz respeito a Salvador, envie o seu texto para nós. Se possível, anexe uma imagem (foto ou ilustração) e um breve perfil do autor.

E-mail: revistasoteropolitanos@gmail.com

Anúncios
17 Responses “Como participar” →

  1. Elaine Wermelinger

    16/03/2008

    Que site emocionante. Ver a cultura negra sendo tratada como merece só podia ser coisa de baiano.

    Elaine Wermelinger

    Responder

  2. Soteropolitanos

    22/03/2008

    Elaine,

    Emocionados ficamos nós com o seu comentário. Junte-se a nós, envie uma foto, um texto. Tudo o que fizermos para valorizar a cultura negra, no Brasil e no mundo, ainda será pouco para sanar séculos de exploração. Agradecemos pela visita.
    Abç

    Responder
  3. Adorei esse site. Parabéns

    Responder

  4. Soteropolitanos

    20/04/2008

    Milton,

    Que bom! Apareça sempre e, se quiser, colabore conosco.

    Abç

    Redação

    Responder
  5. Aló!
    Postei o endereço de Soteropolitanos no meu blog (http://egbetibaayin.blogspot.com) para que os meus amigos e leitores possam acesar ao vosso site. Como já disse, adorei; e colei no meu alguns textos daqui com a correspondente cita do lugar de onde foram extraidos e o autor. Um abraço desde Montevideo, Uruguai
    (Obrigado por me responder e pelo convite a colaborar.)

    Responder

  6. Renata Chabor Borges

    11/09/2008

    Olá

    Na verdade eu queria saber como faço para contactar Agnes, pois, fui alauna dela e gostaria de esclarecer algumas dúvidas. Se alguém puder me ajudar, agradeço.

    Responder

  7. Tânia Maria vieira de Oliveira

    20/10/2008

    Sou professora de história e especialista em História e cultura da África e dos Afro-Brasileiros e gostei muito do site. Gostaria muito de poder receber via
    e-mail assuntos do site de vocês.

    Obrigada,

    Professora Tânia

    Responder

  8. Denise Aparecida daniel

    29/10/2008

    Os trabalhos realizados são maravilhosos!
    Porém observo que no nivel acadêmico ainda exista uma resistência ao lecionar cultura afro-brasileira.
    Causa principal, acredito eu, seja um preconceito estabelecido, visando sempre uma conhecimento grego romana, como berço da cultura humana.
    Não esta na hora de esclarecer principalmente para as crianças brasileiras que todos os negros que aqui chegaram eram muito mais do que foi estabelecido por uma elite.

    Responder
  9. Olá. Adorei o soteropolitanos. Vou colocar o link de vocês no meu blog para divulgar. Se puderem façam o mensmo, O meu blog trata de turismo e também faço divulgação de atividades culturais da cidade

    Responder

  10. Bernadette de Freitas

    17/09/2009

    Fico contente em estar aqui junto de voces comentando sobre a cultura negra. Sempre comento que deveria ser uma das cadeiras mais conhecidas em nossas universidades, porque isso faz parte do sangue dos brasileiros. A cultura africana e muito rica em varios aspectos tanto na dança, na culinaria, nas roupas, no artesanato enfim tem uma enorme variedade. E depois tem uma imensa historia porque fomos escravizados e ainda hoje ainda resistem alguns elos do passado. E sempre comento que se soubessem a força do sangue negro não teria havido a escravidão no Brasil A religião africana ou seja o candomble e muito bonito, porque traduz toda a beleza das forças da natureza atraves dos Orixas. E eu me sinto muito orgulhosa de ter em minhas veias este sangue porque sou bisneta de uma mulher maravilhosa e tambem neta de uma que ja nasceu livre mas que tão bem souberam representar o sangue africano. Amo, respeito , tenho orgulho , e gsoto de dizer que tambem tenho este sangue apesar de ter nascido branca me sinto tal e qual porque se negar nego minhas raizes. E isso jamais faria porque eu ficaria sem minha identidade .

    Responder

  11. Soteropolitanos

    22/09/2009

    Bernadette,

    O seu depoimento é emocionante e lúcido. Agradecemos muito pelo seu estímulo. Os africanos e seus descendentes ergueram o Brasil. Desde o Brasil escravocrata até hoje, estão entre os que fizeram o trabalho mais árduo e o mais sutil, como camponeses, operáriso, médicos, engenheiros, artistas populares ou eruditos. Mas, apesar disso, permanecem sendo a parcela mais pobre da população brasileira. De fato, como você diz, ainda temos muito a fazer e aprender. Abç

    Redação

    Responder

  12. pedro vieira

    17/02/2010

    adorei os textos

    Responder
  13. eu gostaria de enviar minha musica para vcs colocarem no ar se estiveren enteresados (71)81835536 obrigado

    Responder

  14. Anônimo

    04/03/2013

    gostaria de deixar o meu orgulho como afro descendente que em Salvador cuiltivem tão bem a cultura afro ,sou filha de pais bahianos mas moro em São Paulo, é uma pena que aqui se vc usa uma roupa africana vc é olhada nos locais com discriminação gostaria muito de estar ou na Bahia ou na africa para poder usar as roupas dos meus descendentes no dia a dia ,como o oriental tem liberdade para usar a deles, o italiano, o holandes só o negro que tambem é estrangeiro e ninguem admite eu amo a historia do meu povo e tenho muito orgulho das minhas raizes um Axé a todos.

    Responder

  15. Luciana Ferreira

    04/03/2013

    eu gostaria que um dia podescemos ser respeitados pela nossa historia, é estranho que quando falam da nossa historia só falam da escravidão, ninguem comenta que também somos descendentes de reis e rainhas africanas,que não temos aonde buscar a nossa arvore genealogica, o nosso verdadeiro sobrenome só sabemos de onde viemos mas aonde estão os descendentes das nossas familias não temos como achar me desculpem é um desabafo.

    Responder
  16. NINGUÉM FICA FELIZ COM DECLARAÇÕES QUE NÃO FEZ A SITE NENHUM. NÓS DA DELEGACIA DE CRIMES CIBERNÉTICOS NÃO ESTAMOS CONSEGUINDO RETIRAR O QUE FOI ESCRITO EM MEU NOME; SÓ RESTA A VIA JURÍDICA. O QUE FOI ESCRITO EM MEU NOME ME DEIXA EXPOSTO COMO UM BOBALHÃO DA CORTE. SÃO OFENSIVAS, SÃO DEGRADANTES, NÃO TEM NINGUÉM RESPONSÁVEL POR ESTE SITE PARA TIRAR MEU NOME DAÍ???????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: